Thubten Phuntsog Gephel Ling

Estrada Nacional 253 Herdade Corte Pereiro

7580-706 Santa Susana - Alcácer do Sal

Coord: 38.486402,-8.359611

CET Pendê Ling

Rua Fernando Assis Pacheco, 120

2765-316 São João do Estoril - Lisboa

Email: info@guhyamantrika.org

Call: 26 510 21 62 / 91 213 93 53

  • Facebook
  • YouTube
  • Instagram

Doações

Ao doar contribui para a preservação do centro de retiros e mosteiro, da comunidade monástica e ngakpa e para o desenvolvimento dos nossos projectos. Poderá doar através do paypal, transferência bancária ou contactar-nos para doações de outras formas.

Libertação de Animais

Tsethar - Prática de Libertar Vidas

 

Libertar Vidas, ou «tsethar» em tibetano, é uma prática budista de salvar vidas. Ao comprar os animais que estão destinados a serem mortos e ao libertá-los nos seus ambientes naturais, a libertação destas vidas coloca a compaixão em acção. Infelizmente, na maioria das vezes quase não percebemos que, como seres humanos, temos esta preciosa oportunidade.

 

Embora cada vida seja preciosa, o processo da vida inevitavelmente faz-nos tirar a vida a outros seres vivos. Não o podemos evitar completamente, porque enquanto caminhamos, respiramos, comemos e assim por diante, provocamos a morte de muitas criaturas.

 

No entanto, podemos cultivar a atenção e tentar reduzir o tirar vidas de acordo com o melhor das nossas capacidades. Também podemos oferecer o dom da vida e protecção através da prática de libertar vidas. Não importa qual o nosso estilo de vida, podemos fazer esta prática, a qual beneficia quem liberta os animais, bem como aqueles que são libertos.

 

E, independentemente da religião que praticamos, os resultados serão reforçados se as nossas práticas são realizadas com a aspiração de que todos os seres sem excepção desfrutem de felicidade e de uma vida livre de qualquer dano.

 

No budismo, esta prática tem dois aspectos:

 

1. O acto de salvar vidas.

2. A bênção das orações que acompanham a libertação dessas vidas.

Por favor, caso queira fazer algum tipo de doação para a próxima Libertação de Animais visite: Doações

 

  Uma breve referência à prática de Tsethar

Os Benefícios em Salvar Vidas
por Chatral Rinpoche


Inclino-me perante o Lama, o Buda Amitayus,
e perante os bodhisattvas em treino.
Vou agora descrever brevemente os benefícios
de libertar animais e resgatar as suas vidas.

Salvar animais do abate ou de qualquer perigo mortal
com motivação e conduta inteiramente puras,
é sem dúvida uma prática que deve ser efectuada
por todos os seguidores do Buda Shakyamuni.
Muitos sutras, tantras e comentários
descrevem em detalhe as vantagens que esta prática traz,
e inúmeros eruditos e iluminados mestres da Índia e do Tibete
ressalvaram o valor e a importância de beneficiar os seres.
Mesmo no pequeno veículo se evita infligir mal a outros;
no mahayana este é o treino angular do boddhisattva,
e no mantra secreto, um samaya principal da família Ratna.
O raciocínio por detrás disto é o que se segue: neste mundo,
nada é tão caro a um ser como a sua própria vida.
Logo, não há maior crime do que tirar vida,
e nenhuma virtude condicionada traz maior mérito
do que o acto de salvar seres e resgatar as suas vidas.
Portanto, se desejares felicidade e bem-estar,
esforça-te nisto, o mais supremo dos caminhos,
que está comprovado através das escrituras e através do raciocínio,
e que é livre de obstáculos e de qualquer perigo.
Considera o teu próprio corpo como exemplo:
evita fazer tudo o que possa prejudicar outros seres.
Faz todos os esforços para não matares nenhuma criatura viva:
pássaros, peixes, corças, gado e mesmo insectos ínfimos;
E esforça-te antes para salvares as suas vidas,
oferecendo-lhes protecção contra todos os medos.
O benefício desta prática está para lá do imaginável.
Esta é a melhor prática para a tua própria longevidade,
e o maior ritual para os vivos e para os mortos.
É a minha principal prática para beneficiar os outros.
Ela dissolve toda a adversidade e obstáculos, internos e externos,
Sem esforço, espontaneamente, traz condições favoráveis;
E, quando inspirada pela nobre mente do bodhichitta
e completada com preces de dedicação e pura aspiração,
conduzirá ao completo Iluminar,
e ao realizar do benefício do próprio e dos outros -
disto não necessitas ter dúvidas!
Aqueles cujas mentes se inclinam para a virtude e para os actos de mérito,
deverão proibir que se caçe e pesque nas suas terras.
Alguns pássaros em particular, como gansos e grous,
são impelidos pelo seu karma a migrar,
e voam para o sul no outono, para o norte na primavera.
Por vezes, cansados do esforço do longo vôo,
Ou perdendo o rumo, alguns são forçados a pousar,
Aflitos, assustados e ansiosos; quando isto acontece,
Não deverás atirar-lhes pedras ou disparar contra eles,
Nem tentar matá-los ou feri-los,
Mas protegê-los antes para que possam facilmente voltar a voar.
Oferecer cuidado e carinho a seres sencientes,
Em situações desesperadas, sem qualquer protecção,
Gera tanto mérito como a meditação
Sobre a vacuidade tendo como base a compaixão ―
Assim disse o glorioso Senhor Atisha.
Lamas, ministros, monges, monjas, homens e mulheres,
Em todos os lugares sobre os quais tendes controlo,
Exercei toda a influência e fazei tudo o que esteja ao vosso alcance
Para libertar animais e resgatar as suas vidas,
Encorajando outros a fazer o mesmo.
Em todos os lugares onde isto for feito,
A doença cessará em pessoas e animais,
As colheitas serão abundantes e a vida será longa.
Todos serão felizes e saudáveis na abundância,
E na hora da morte libertar-se-ão de experiências ilusórias,
Antes de uma re-encarnação excelente nos Reinos Superiores.
Não há dúvida de que isto levará com facilidade
À descoberta do supremo e perfeito estado do Despertar.

Respondendo a um pedido do Doutor Dordrak,
Que ofereceu um lenço de pura seda e cem rupias nepalesas,
Aquele que é chamado Chatral Sangye Dorje
Que procura incessantemente resgatar vidas,
Escreveu espontaneamente o que lhe veio à mente.
Que pelo mérito deste acto possam todos os seres sencientes
Praticar acções iluminadas!

Mamakoling samanta!